Definição vestido

Do latim vestitus, um vestido é uma peça de roupa (ou conjunto de roupas) que é usada para cobrir o corpo . O conceito pode ser usado como sinônimo de roupas, roupas, trajes ou vestuário, embora seja geralmente usado para nomear o traje de uma peça usado pelas mulheres.

Vestido

O vestido cumpre duas funções básicas: protege das condições climáticas (frio, calor, chuva, etc.) e cobre as partes íntimas do corpo que, por modéstia, não são exibidas em público. Vestidos, no entanto, têm um significado mais profundo na sociedade atual, já que moda e tendências refletem um papel social . A roupa pode ser usada como meio de expressão e comunica, consciente ou inconscientemente, algo da personalidade do usuário.

Os primeiros vestidos foram feitos com peles e peles de animais ou com folhas e grandes plantas amarradas ao corpo. Com o tempo, diferentes tipos de fibras naturais (como algodão ou seda ) e fibras sintéticas (como poliéster ) começaram a ser usadas. Atualmente existem as chamadas roupas inteligentes, capazes de mudar sua cor ou gerar energia.

Há também vestidos especiais que são usados ​​apenas uma vez na vida, mas têm uma grande carga simbólica. O vestido de casamento ou vestido de noiva é aquele usado pelas mulheres durante o casamento. A cor e o estilo dependem da cultura e da religião da noiva.

No mundo ocidental, o vestido de casamento é geralmente branco, pois simboliza a pureza. Os vestidos de luto, por outro lado, são negros e refletem a tristeza e a dor que a mulher sente quando sofre a perda de um ente querido.

Evolução da roupa feminina

Vestido Não é preciso resumir a história das roupas femininas em um único texto, dadas as diferenças culturais de cada país; portanto, o foco desta revisão terá uma perspectiva fundamentalmente ocidental.

Ao longo da história, o ser humano deu diferentes funções ao vestuário, da proteção à ostentação, e para várias questões sociais, as mulheres sempre tiveram um papel de liderança nessa questão; Isso não significa que sua situação tenha sido mais simples ou conveniente do que a do homem.

É importante notar que, historicamente, a sociedade tentou reduzir as mulheres a um objeto digno de ser admirado e decorado, uma criada que tinha que cumprir suas obrigações e manter um sorriso no rosto. Durante séculos, o vestuário feminino não se destacou pelo seu conforto, mas pela sua ornamentação e suas formas, que tinham um propósito meramente superficial. Mas logo após o período conhecido como "Belle Époque", que terminou no início do século 20, uma revolução ocorreu para dar às mulheres a liberdade de se vestirem para si mesmas, e não para os homens.

Essa mudança estética estava intimamente ligada à luta pelos direitos da mulher e seu reconhecimento como seres iguais aos homens perante a Lei. A busca de sua inclusão na votação e no local de trabalho levou à necessidade de um vestuário mais confortável., menos complicado de usar (alguns vestidos antigos exigiam a ajuda de várias pessoas para sua colocação) e com um caráter funcional.

Primeiro, a saia foi cortada em quase cinquenta por cento, cobrindo as pernas até os joelhos. Além disso, graças ao trabalho de Coco Chanel (uma costureira visionária de origem francesa) apareceu ternos de duas peças e calças, na década de 1930. Muito importante também, as dimensões e desenhos da roupa interior adaptados para este novo realidade social.

Em poucas décadas, o vestido passou de traje eterno feminino a uma característica de vestuário de festas e reuniões. Até hoje, é necessário afirmar que existem milhões de mulheres que nunca usaram um vestido e nunca o farão, seja por razões de gosto ou ideologia.

Recomendado
  • definição popular: mudança social

    mudança social

    Se é importante conhecer o significado do termo mudança social, também é importante ter clareza sobre a origem etimológica das duas palavras que o formam: Mudança, em primeiro lugar, deriva do latim. Especificamente, vem de "cambium" e pode ser traduzido como "dar uma coisa por outra". -Soc
  • definição popular: relativo

    relativo

    Relativo é um adjetivo que vem da palavra latina relativus . O termo permite mencionar o que mantém um link com algo ou alguém . Por exemplo: "Não vou comentar minha vida pessoal: só vou falar sobre o meu trabalho" , "Quanto às reformas, vamos tomar uma decisão nos próximos dias" , "O economista vai dar uma palestra para explicar tudo em relação à nova norma fiscal " . Além do q
  • definição popular: San Blas

    San Blas

    Blas de Sebaste era um homem que sabia combinar atividades religiosas (ele era um bispo) com a prática da medicina. Ele viveu em Sebaste (território que atualmente é conhecido como Sivas ), na Capadócia (hoje, parte da Turquia ). Este indivíduo levou uma existência eremítica e passou seus dias em uma caverna localizada na área arborizada do Monte Argeus , um lugar que por sua vontade acabou transformado em uma sé episcopal. San Bla
  • definição popular: raciocínio legal

    raciocínio legal

    Determinar a origem etimológica das duas palavras que dão forma ao termo raciocínio jurídico nos leva a encontrar o fato de que ambos derivam do latim: -O raciocínio emana da soma do substantivo "ratio", que pode ser traduzido como "razão", e o sufixo "-miento", que é usado para indicar o resultado de uma ação. -Jurídi
  • definição popular: nó

    Do latim nudus , um nó é um laço que pode ser apertado e fechado de tal maneira que quanto mais você puxar suas extremidades, mais ele aperta. Em geral, é difícil para o nó se destacar. Por exemplo: "Eu segurarei a tela com um nó para evitar que ela voe" , "Você me ajudará a abrir a bolsa? O vended
  • definição popular: recursos hídricos

    recursos hídricos

    A primeira coisa a fazer antes de entrar plenamente na definição de recursos hídricos é conhecer a origem etimológica dessas duas palavras: -Recursos deriva do latim, especificamente de "recursus", que se refere a fazer uso dos meios ou bens disponíveis para alguém para realizar algo em particular. -Hydr